Primeiramente boa noite #25 – Vai ter copa sim

Por Girls With Style / gws@gwsmag.com

Por Gian Lucca:

#25

Mer.ca.do (em latim, mercatu); lugar público onde se compram mercadorias postas à venda; ponto onde se faz o principal comércio de certo artigos; centro de comércio; o comércio. Tá no dicionário. Isso é mercado. Ponto. Realmente existe uma crise e antes de qualquer coisa, eu não fiz ou estudei economia. Eu não sei nada, nem matématica. Lembro de báskara porque adoro esse nome. Sou designer. Oposto. Das artes (que não inclui Louvre ou Renoir) para a burocracia (que não inclui carga negativa ou falta de senso).

A vida mesmo, altos e baixos. Do mesmo jeito que não faz sentido comparar a vida de uma modelo normal com Gisele Bündchen, ou um jogador de futebol qualquer com Pelé. Isso é uma vez na vida, na história. Michelli Provensi, modelo, falou isso no livro dela, o Preciso Rodar o Mundo. Faz todo sentido. A gente só tá cansado demais de toda essa coisa de “o mercado está ruim”, “preciso mudar de emprego urgente, mas o mercado me engoliu”, “sou freela, mas não adianta nada porque o mercado continua péssimo”. O tal mercado que tá ruim ou as pessoas que estão loucas que não param de falar dele?

A gente vive num mundo que os “velhos” chegaram pra ficar. Não existe espaço pra nós, mais novos. Conseguir subir num cargo é um sacrifício sem fim, pra simplesmente existir no mundo é necessário no mínimo 3 mil reais (e isso é dinheiro pra caramba!). Puxar saco dos outros também não é a melhor ideia porque eles são “hypes”, e os “hypes” só andam com “hypes”. Eles ganham dinheiro porque fazem tudo, viram até capa de revista. Um fotógrafo “hype” também é DJ, também é diretor de arte (hahahahaha) e também arrisca a ser jornalista. Claro que ele também pode manjar tudo de gastronomia, porque é chique. O mundo hoje é esse. Hype. Sem aspas, porque em breve essa palavra também vai estar no dicionário.

Hy.pe (em latim, hypem); pessoa que exerce multi-tarefas; celebridade de círculos sociais; pessoa que todos querem ser amigos para descolar um vip pro camarote. É por isso que eu acho que quem deixou o mercado de trabalho assim, fomos nós mesmos. Não existe espaço. A gente baba ovo pra quem não merece e tudo virou isso aí, um beco sem saída. Salve-se quem puder, tipo fim do mundo em Hollywood. Triste, tão triste.

Faltam 42 dias pra Copa.

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)
Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:
Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS
 
 

assinatura Gian_4 copy

 


Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/primeiramente-boa-noite-25-vai-ter-copa-sim/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
1 Comentários

Tags:

Sem make, com ética.

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

TerçaSemMake-etica

No dia 28 de janeiro de 2014 o blog Girls With Style criou o projeto #TerçaSemMake. Em meio de mil #projetos que rolam por aí nos blogs, a gente acredita que alguns acabam “noiando” mais ainda as garotas do que de fato ajudando. Nós convidamos nossas leitoras e amigas a passar todas as terças-feiras sem make e postarem suas fotos no insta usando a hashtag. Encorajamos mulheres a encarar o mundo de cara limpa não porque somos contra maquiagem, mas porque não achamos saudável a forma que a mulher acaba sendo escrava desses elementos. A proposta é voltar a enxergar a beleza natural delas mesmas e de outras garotas e ver que usamos maquiagem porque a gente gosta, não porque somos “feias” sem ela. Além disso o projeto tem a meta de conscientizar como faz mal pra pele o uso constante de make e que um dia deixando a pele respirar, já faz toda a diferença.

O GWS foi pioneiro desse tipo de movimento no Brasil e a hashtag #TerçaSemMake faz barulho no instagram! Muitas garotas compraram a ideia e já recebemos muito relatos legais de libertação e como a campanha realmente ajudou a alimentar o amor próprio.  A mídia também se interessou pelo nosso trabalho e saímos em veículos como O Globo, no site da  revista TPM, blog ADORO! da FARM, portal IG, blog (F)utilidades… Isso só para citar alguns.

Acontece uma coisa curiosa com o GWS… apesar de não sermos um blog de massa, com muitas leitoras e seguidores, temos muito destaque na mídia e me arrisco a dizer que quase todos os grandes veículos e “top blogs” conhecem o nosso trabalho.

Nesse mês de abril de 2014, a revista Glamour Brasil, criou o movimento #semmakecomglamour, onde convidam as leitoras a postarem fotos sem maquiagem usando a hashtag desenvolvida por eles. Exatamente com o mesmo conceito do nosso projeto.

O #TerçaSemMake pode ser um movimento pequeno, feito por um blog minúsculo perto da força de uma revista como a Glamour, mas ainda assim, no Brasil é o pioneiro. Mesmo que a revista não tivesse conhecimento do movimento acreditamos que pra você lançar algo hoje em dia na internet, deve ser feita uma pesquisa sobre o assunto MUITO bem feita antes. Pesquisar se já não existe algo similar, pesquisar assuntos parecidos… exatamente como nós fizemos, porque é assim que é ensinado na faculdade de jornalismo.

E, se mesmo assim,  se você conhecer um projeto praticamente igual ao que você quer lançar você decidir ir em frente, acreditamos que é MUITO válido e respeitoso, pelo menos a lembrança, uma citação do já existente. Por que isso é pesquisa, isso é realmente se importar e se aprofundar em um tema, isso é ÉTICA. E a ética não pode ser seletiva. O respeito não pode existir somente com quem é do seu tamanho ou maior que você. Parece que se você não tem  tantos K no Instagram não merece ser olhada, ter sua ideia valorizada. Será que se o #TerçaSemMake fosse um projeto de uma “top blogger” aconteceria o mesmo? Fica a dúvida. Mentira, fica nada. Fica a CERTEZA que não.

O GWS está na estrada tem um bom tempo. E ao longo da nossa história o mais difícil sempre foi nos mantermos verdadeiras e fiéis no que acreditamos. E isso inclui tanta coisa que talvez vocês leitoras, que nunca participaram do “meio” blogueiro, ou tenham contato com assessoria e jornalismo possam imaginar.

Mas ter ética, falar sobre o que a gente acredita, fazer um trabalho com competência, buscando sempre inovar, seja com um editorial, com um post diferente ou com um movimento e sem cair no óbvio será sempre o nosso papel.

Apoiamos TODA e QUALQUER manifestação pra engrossar o coro do amor próprio e da autoestima e ficamos realmente felizes em ver que outros veículos grandes abrindo os olhos pra esse tipo de questão e esperamos que a intenção seja legítima, assim como nosso #TerçaSemMake. Acho que a luta por uma beleza menos padronizada e pela liberdade da mulher é algo que deve ser feito com MUITA, MUITA verdade e seguir TODA uma linha editorial. Estou achando bem curioso ver a transformação repentina na linha editorial de algumas revistas e sites que sempre foram os maiores padronizadores de mulheres, mas não quero julgar. Quero sim acreditar que uma mudança real está acontecendo e que não é só oportunismo. E eu sei que vocês também são assim e é por isso, por vocês serem leitoras que separam o joio do trigo que usamos o slogan only for smart girls.

Trabalhamos, e MUITO, no GWS e quem nos conhece sabe que vivemos pro blog e que abordamos temas de amor próprio, autoestima e aceitação desde 2010. E essa é, sempre foi e sempre será a missão do GWS. Apoiar meninas como nós e vocês a ver a vida e a si própria de uma forma mais positiva e feliz e é por isso que nosso projeto não vai ser deixado de lado. Porque ele é feito com amor, verdade e lemos cada post de vocês, cada história que vocês compartilham no insta junto com a foto porque saber que fazemos parte da vida de vocês e parte de uma transformação positiva, não tem preço e é o que faz com que a gente continue, sempre.

Hoje é terça-feira! E se você acredita no nosso trabalho e apoia a ideia do #TerçaSemMake se manifeste! Publique uma foto sua de cara limpa nas redes sociais usando nossa hashtag e confirme sua presença no evento. Seria incrível poder contar com vocês nessa missão de amor!

Por último e não menos importante, obrigada sempre pelo apoio e carinho de vocês.

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)

Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:

Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS

assinatura_NUTA

 


Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/sem-make-com-etica/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
1 Comentários

Tags:

Teimosä: O evento do coletivo feminista RAIOTAGË!

Por Girls With Style / gws@gwsmag.com

No último sábado, día 26 de abril, fomos dar um confere no evento Teimosä que rolou no Espaço Outro, em Vila Isabel, aqui no Rio! O evento foi organizado pelo coletivo feminista RAIOTAGË que faz um trabalho muito legal aqui na cidade e leva ao pé da letra o lema “Apoie as irmã”. Vale dar um like na página delas no facebook pra ficar sabendo sempre de eventos e novidades da cena artística underground carioca.

Teimosä é um dos vários eventos organizados pelo coletivo e rolou de tudo um pouco. Bandas de meninas mandaram ver no palco, rolou comidinhas veganas deliciosas (provamos o hambúrguer e a coxinha e amamos tanto quanto a tradicional de frango. #confissõesdecarnívoras) e vários zines lindos à venda (inclusive o nosso ;) Tudo claro, #girlpower.

Bate um orgulhinho danado ver tanta menina nova mandando super bem em todas as áreas e organizando evento sem ajuda nem patrocínio. O GWS apoia e SEMPRE apoiará essas ideias. Vem sentir como foi o clima!

teimosa_raiotage_01

(Campainha do Espaço Outro, mas a dica vale pra vida)

teimosa_raiotage_09

teimosa_raiotage_02

(Um dos zines que mais amamos no evento! “Pentelho” feito por Hanna Halm)

teimosa_raiotage_13

(GRRRLS!)

teimosa_raiotage_04

(Duvido que você não bocejou!)

teimosa_raiotage_18

(Quadrinhos e adesivos!)

teimosa_raiotage_17

(O trabalho da Bárbara Gondar é MARAVILHOSO! Nos apaixonamos pelo zine Xereca na Pão de Forma  e temos que dar a dica: Comprem a Xereca!!)

teimosa_raiotage_16

( Girl Power!)

teimosa_raiotage_10

( O hambúrguer vegan que tava delícia!)

teimosa_raiotage_21

(Bolsa K7)

teimosa_raiotage_19

(Zines, cd’s, adesivos, ecobags, t-shirts!)

teimosa_raiotage_22

(❤️Apoie as irmã ❤️)

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)

Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:

Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS

 


Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/teimosa-o-evento-do-coletivo-feminista-raiotage/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
Comentar

Tags:

5 Youtubers literários que você precisa conhecer

Por Carol Guido / carol@gwsmag.com

A gente tem falado tanto de livros ultimamente, né? Não “a gente” no sentido do blog, mas a gente mesmo, eu e vocês, vocês e eu. É por aqui, é pelo insta, twitter ou facebook. Tenho amado muito tudo isso.

Muitas leitoras mandaram mensagens e e-mail dizendo que curtiram a nova tag “leituras do mês”, o que me surpreendeu por que pensei que seria uma coisa meio batida de blogs e youtubers, mas não. Vocês são como eu e gostam dessas coisas. Amor define (tô carinhosa hoje hahaha).

E aí que pensei que já que temos nos entendido tão bem, poderíamos trocar ideias sobre Youtubers literários também. Não sei vocês, mas eu sou viciada em canais de Youtube. Fico boba de ver como tem gente produzindo conteúdo legal de maneira independente. Acho que é por que sei a dificuldade que é ter algo independente também, então fico assim, babando o ovo da galera.

Mas voltando pra parte literária da coisa. É através destes canais que fico sabendo dos lançamentos, o que presta e o que não presta, as tags mais divertidas, livros que não posso deixar de ler  e tudo mais. Acho que tem tudo a ver compartilhar os 5 canais que acho mais legais. Quem sabe vocês curtem?

 

Olhos de Ressaca

Ai tenho que começar com estes três maravilhosos, divos, que amo! hahaha Sou muito babona, gente. Mas é que quando gosto de uma coisa, fudeu, viro fã. E o canal que acho mais divertido disparado é este. Quem faz são três amigos, o Júnior, Victor e a Ana. O que faz o canal ser legal é o jeito deles, que me fazem parecer que somos amigos há séculos. Me amarro nas piadas, brincadeiras e as dicas de livros, claro. Aproveita que tá cheio de vídeo lá no canal, eles tão participando da tag-só-para-os-fortes, #VEDA (videos every day in april).

 

Tiny Little Things

Este é o canal da Tati Feltrin, uma das youtubers brasileiras mais conhecidas. Amo o canal dela por que é por lá que consigo ficar sabendo de livros clássicos, de autores renomados e não só o circuito de lançamentos teen que se vê demais por aí. Nada contra a literatura jovem, eu amo e inclusive é o que mais leio, mas é que às vezes gosto de ter aquela emoção de ler um livro escrito com primor, sabe? Aquelas emoções só que uma história original e um autor incríveis podem te dar. A Tati é muito boa em indicações assim. E fora que é uma querida, super de boa e sem afetações.

 

Nerdy And Quirky

Este é gringo, de uma garota chamada Sabrina que fala um inglês rápido o suficiente pra me fazer treinar minha fluência totalmente enferrujada. Fiquei sabendo do canal dela quando li alguém comentar que ela foi uma das pessoas substituiu o John Green no canal dele (VlogBrothers, vale conhecer) durante o período que ele foi ser pai da segunda filhinha. Achei big deal e comecei a reparar nela e bam! Que garota legal, inteligente, rápida. E as dicas literárias quase não aparecem, mas deixei pra falar isso no final quando vocês já estariam com vontade de conhecer o canal. hehehe Quer dizer, ela é uma leitora (acho que autora também) voraz, faz piadas nerds boas, é uma adolescente normal e muito gente boa. Vale, vai.

 

Algum Infinito

Este é o canal da Bel, uma garota que sinto como se já conhecesse. hahaha Acho ela muito GWS por algum motivo, então meio que me senti em casa desde o primeiro vídeo que vi, que confesso que não ter sido sobre livros (é o que coloquei ali em cima). Aliás, o canal dela fala de outros assuntos também, é bom avisar. A Bel normalmente fala de livros que me interessam, tipo da geração Harry Potter e ateoria do livro iniciador que eu já falei pra vocês (clica ali no link pra entender).

 

Minha Estante

Ok, esse garoto é uma figura. O nome dele é Bruno, tem uma estante  que me causa muita inveja e uma personalidade legal / engraçada / nerd que amo. Assim como todos os outros acima. hahaha Mas ok, o Bruno tem o jeitinho dele especial. Gosto mais dos vídeos resenha por que ele faz de um jeito zero boring e explica mesmo por que você deve  ou não ler aquele livro. É esse tipo de coisa que nos faz empolgar (ou não) pra ler, né? Neste vídeo que coloquei aí em cima fiquei o tempo todo nervosa pra ter certeza se é ou não a Miley na camiseta dele. AAAAAAAAh! hahaha aloca. Preciso desta camiseta.

É isso, pessoas! Me contem se gostaram das dicas pelos comentários? E também deixem suas dicas de quais canais acompanhar. Sou viciada, vou ficar amarradona de ver.

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)
Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:
Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS
assinatura-Carol_11

Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/5-youtubers-literarios-que-voce-precisa-conhecer/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
Comentar

Tags: