5 Álbuns incríveis de 5 mulheres para ouvir já!

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

Eu sempre fui fã de grupos formados por garotas, cantoras ou bandas com mulheres no vocal. Durante toda a minha vida, achei as garotas da música extremamente inspiradoras e várias delas, me ajudaram na minha trajetória do feminismo e amor próprio. Independente de qual é seu estilo de música favorito, eu realmente acho que você deveria ouvir os discos dessa lista! Todos, são maravilhosos da primeira até a última música, foram revolucionários quando foram lançados e com certeza, fazem parte dos álbuns da minha vida. Pode colocar pra tocar, sem pular nenhuma música.

5º lugar ) Live Through This  – Hole

tumblr_nb8jy8f8qx1tu3yzao1_500

Sei que Courtney Love é polêmica e divide opiniões. Mas Hole é sem dúvidas, uma das bandas mais feministas que você vai ouvir na vida. A banda teve várias formações, mas a mais clássica e favorita dos fãs com certeza foi Courtney no vocal, a baterista Patty Schemel a a baixista maravilhosa, Melissa Auf der Maur. Live Through This, não é meu disco favorito da banda, mas eu não tenho dúvidas que é o mais poderoso. Esse disco tem músicas como “Violet, “Miss World” e “Asking For It” só os títulos dessas canções, vocês já conseguem imaginar sobre o que o Hole gosta de falar. Comece pelo Live Through This mas não deixe de ouvir o anterior, Pretty on the Inside e o meu favorito, Celebrity Skin. Escuta aqui!

4° lugar) Back to Black – Amy Winehouse

tumblr_nit2fyyxVv1r14sg6o1_500

Se Back to Black não é um dos melhores discos de todos os tempos, sei lá, me perdi aqui então. Eu realmente acho que compor e gravar esse disco, foi o grande momento da Amy, vivendo o auge da sua fase criativa. Não dá pra não ouvir esse disco de cabo a rabo e com certeza, são músicas que fazem a gente pensar em todas as fases de um amor, desde o começo até o fim e o relacionamento que desenvolvemos com nós mesmas durante isso. Nem sei do que gosto mais. Se é da melodia, da voz de Amy das letras… Pérola da música! Coloca pra tocar.

3º lugar) American Life – Madonna

tumblr_mkpas8dhyp1s0dkeno1_500

Nem de longe, o disco mais famoso de Madonna. Nem de longe o favorito dos fãs, mas na minha opinião, foi nesse álbum que a eterna rainha do pop realmente ficou nua musicalmente e se revelou por completo. Quando Madonna está morena, ela sempre sai um pouco da pista de dança  e mostra seu lado mais politico e seus sentimentos mais profundos. Foi assim com a fase de Like a Prayer e o mesmo se repete em American Life, disco lançado na época mais tumultuada dos Estados Unidos, quando as Torres Gêmeas foram ao chão. Enquanto isso acontecia,  Madonna derrubava por terra o “sonho americano”com um disco super politico e também super pessoal. Foi no American Life que Madonna falou pela primeira vez em uma música sobre sua relação com seu pai e como ela lidou com a morte da mãe ainda criança. Dá uma chance pra esse disco!

2º lugar)  Jagged Little Pill – Alanis Morissette 

tumblr_nd9ekoE8s51tkso81o1_500

Se você está procurando um disco FODA, girl power, poderoso, forte, maravilhoso, verdadeiro, honesto e transformador, esse disco é Jagged Little Pill da Alanis. Na minha opinião, ela é uma das maiores compositoras da história e esse álbum é um soco no estômago. Uma música mais maravilhosa do que a outra. Hits como “Ironic”, “You Oughta Know”, “You Learn” e “Head Over Feet” e quando você acha que acabou, tem uma música escondida no final do álbum, chamada “Your House”pra você se acabar de chorar. Alanis me ajudou de verdade a passar pela minha adolescência e eu falo sério quando digo que não sei se conseguiria sem ela. Devo muito ao Jagger Little Pill. Dá o play!

1º lugar) The Miseducation of Lauryn Hill  – Lauryn Hill

tumblr_n4jjhePAKJ1s2safbo1_500

Eu tenho vontade de abraçar esse disco que considero uma obra de arte. Sabe assim, impecável? Impecável é o que esse disco é. Em uma entrevista, Lauryn disse que quando escreveu The Miseducation, ela não estava em busca de perfeição, mas sim, de sentimento. Bom, ela encontrou a perfeição lá. Lauryn Hill é uma poeta e esse disco parece um livro, contando uma história faixa a faixa. É envolvente e te transporta para um outro lugar. Nunca senti isso com disco nenhum. Até hoje, nunca mais ouvi nada como The Miseducation. Não sei mesmo falar qual minha música favorita, mas eu choro com “Ex- Factor”, “To Zion”, “Everything Is Everything” e “When It Hurts So Bad”. Minha dica é a seguinte: Não coloca esse álbum pra rolar enquanto você tá distraída na internet não. Sinta esse disco. Pare pra ouvir ele, de verdade. Tá aqui ó. De nada.

Agora me contem! Quais os 5 discos de vocês?

assinatura_2016_nuta-vasconcellos1

Tags:


4 + 8 =


1 Comentários

  • Natalie Furlan

    Alanis e minha adolescência (e de todas minhas amigas) é só amor <3
    Bem como vc, não sei o que seria minha adolescência sem ela e esse álbum