A relação cada vez mais forte da moda com o universo das Drag Queens

Por Girls With Style / gws@gwsmag.com

participantes da 7 temporada do RuPaul's

Participantes da 7ª temporada do RuPaul’s Drag Race

Drag queen é tendência. Não só pelo estrondoso sucesso de RuPaul’s Drag Race, reality show que já está na sétima temporada (e crescendo cada ano mais), em que a lendária RuPaul Charles escolhe a vencedora baseado em talentos como carisma, originalidade e coragem. Nós até podemos utilizar essas mesmas características para definir como o mundo das drags vem influenciando a moda ultimamente. Antes totalmente underground, agora o mundo das drag queens invade o mainstream e inspira marcas, coleções e até a técnica de make mais in do momento Não pense, no entanto, que estamos falando de plataformas altíssimas e fantasias cobertas de cristais Swarovski para falar dessa influência. A relação aqui é menos óbvia.

gws-ru-pauls-moda-miu-miuMiu Miu, Resort 2016

Miuccia Prada, ligada no movimento que coloca as drags de volta sob os holofotes, se inspirou em seus códigos para criar a coleção de Resort 2016 da Miu Miu, label mais jovem e experimental da estilista. O desfile, que aconteceu em Paris no dia 4 de julho, foi apresentado junto ao lançamento da primeira fragrância da marca, onde a passarela foi erguida em um ambiente industrial enquanto a festa rolava no térreo. Miuccia tem o poder de misturar qualquer referência e criar uma ótima coleção cheia de significados obscuros. Nesse caso, a obscuridade era iluminada por luzes coloridas e neon, com cara e corpo das raves dos anos 1990. A estilista, ótima receptora de tendências, convidou algumas drag queens do reality show de RuPaul para fazer parte da festa. Os convidados foram surpreendidos com a presença de Violet, Pearl, Miss Fame e Sharon Needles, algumas das maiores em popularidade do show – e rostos não muito conhecidos no mundinho fashion.

Falando dos looks, a silhueta tradicional da Miu Miu (vestidos curtíssimos, casacos boxy, saias rodadas) apareceu com maxi padronagens divertidas e combinadas com longos brincos de pele de raposa, vestidos de luréx que deixavam as coxas nuas e até patches em que se liam Miu Miu Club espalhados em botas caubói de salto baixo. “As roupas são um reflexo da festa”, disse a estilista, enquanto bebia um champanhe no backstage. O que fica de lição é: vista-se como se a vida fosse uma boate. Isso se aprende ao conhecer minimamente o mundo das drags.

gws-ru-pauls-moda1. RuPaul’s; 2. Latrice Royale (convidada especial para o lançamento da maior loja M.A.C do Brasil); 3. Violet Chachki, Miss Fame e Pearl no Miu Miu Club

Além da moda, as drag queens também inspiraram algumas das maiores e mais fortes tendências de beleza da atualidade: o contorno e o “baking”. Popularizado pela família Kardashian, contornar o rosto usando tons escuros e claros, brincando com a luz, é uma técnica que começou nos palcos das drags. A técnica transforma rostos mais masculinos, afunda a bochecha e afina o maxilar e é a principal característica da maquiagem das performers. “Toda mulher pode contornar o rosto. Para a noite fica incrível!”, opina Latrice Royale, finalista da quarta temporada de RuPaul’s Drag Race, em entrevista na passagem relâmpago em São Paulo à convite da M.A.C.

O baking, nova tendência que consiste em passar uma camada grossa de pó após a base, para o produto cremoso durar mais, e deixá-la por cinco ou dez minutos “cozinhando”, também foi vista pela primeira vez pelo grande público no reality show americano. “É o melhor jeito de fazer a maquiagem durar no calor que faz no Brasil”, ensina Latrice, aos risos. Na festa de inauguração da maior loja da marca de maquiagem no país, a atração que mais roubou os flashes foi Latrice, uma drag queen. Coincidência?

Quando duas grandes marcas como a Miu Miu e a M.A.C se inspiram em um mundo que, antes underground, agora ganha atenção e admiração do grande público, é hora de ficar de olho. Mais do as roupas psicodélicas da Miu Miu e as maquiagens pesadas que já são tendência, as drags ensinam algo importante e essencial para o mundo da moda de hoje: a diversão que deve ser se vestir todos os dias. Essa mesma diversão, mesclada a looks barulhentos, glitter, maquiagem pesada e frases de efeito, é o que faz o sucesso do reality show – e o que fez com que a moda se interessasse tanto pelas drag queens. “Drag já é mainstream! Senão eu não estaria fazendo um show para vocês na maior loja de maquiagem da América Latina. Precisa de mais evidência que isso?”, finaliza Mrs. Royale.

Esse post foi originalmente postado no blog We need to talk about f , da linda e talentosa Giuliana Mesquita. Visitem! 

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)

Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:

Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS

assinatura-giuliana-mesquita-2

Tags:


5 + 3 =


0 Comentários