Descartáveis!

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

Todo mundo já percebeu que o mundo caíu de amores (de novo) pela fotografia analógica. Mesmo com os preços super acessíveis das câmeras digitais e com a facilidade dos celulares com câmeras cada vez melhores, o interesse das pessoas pelas analógicas só cresce.

Grande parte desse desejo vem do boom das máquinas lomo, que além de lindas e coloridas, produzem fotos de estilo único. Mas a gente acha que também tem outro motivo. O desejo pelas imagens lúdicas e pela real espontaneidade que só as fotografias analógicas podem proporcionar.

 

Nessa mesma onda, outro tipo de câmera ganha cada dia mais destaque. As câmeras descartáveis também conhecidas como disposable ou single-use cameras que nada mais são do que câmeras que você usa uma única vez, revela e joga fora. Elas são as únicas câmeras de filme que cresceram em vendas nos últimos anos segundo as pesquisas sobre o mercado fotográfico mundial feito pela Photo Marketing Association International.

Eu mesma sou um exemplo vivo desse dado: nas três últimas vezes em que fui revelar um filme (em cd, que fique claro), eu tinha nas mãos uma câmera descartável. Qual seria o motivo para alguém que desde 1999 tem câmera digital usar uma descartável? Os motivos são vários!

Além delas possuírem todo o clima lúdico, espontâneo da fotografia analógica você se sente mais tranquilo usando uma descartável. Pode parecer piada, mas é verdade! Você tira ela da bolsa em qualquer lugar, deixa passar de mão em mão… essa liberdade e falta de preocupação com o brinquedinho que às vezes não chega a custar nem R$30 faz as fotos ficarem mais divertidas e você aproveita mais o momento. Além disso, existem as descartáveis a prova prova d’água que custam um pouquinho mais e são perfeitas para os dias de verão.

Todo mundo me pergunta sobre a revelação dos filmes de lomo e descartáveis. Mas é supersimples. Você leva o filme (no caso da descartável, a câmera) para algum laboratório de fotografia e pede para revelar digitalmente. Pode ser em cd ou até em um pen drive.

Outra coisa que acho divertida na máquina descartável é o fato de você poder customizá-la e durante aquelas 27 poses (é o máximo de fotos que uma descartável faz), você usa uma câmera totalmente exclusiva, feita por você. Eu decorei uma esse ano, pintei ela de dourado, coloquei olhinhos que se mexem e dei de presente para uma amiga. Um presente exclusivo, feito por você, útil e super legal.

Eu sempre compro as minhas em qualquer loja Kodak. Sei que tem para vender também no Ponto Frio e no supermercado Extra.

Dá tempo de comprar pro ano novo!

Tags:


2 + 7 =


0 Comentários