Ficar ruiva: Missão dada é missão cumprida!

Por Girls With Style / gws@gwsmag.com

Por: Olivia Amsler

Por muito tempo paquerei cabelos ruivos. Aliás, até decidir pintar, paquerei muito, muuuuito mesmo. Só que eu achava que era a coisa mais dificil do mundo. Quando meu cabelo louro escureceu pra cinza, resolvi começar a fazer luzes e com elas fiquei por aproximadamente 8 anos. Um belo dia me olhei e pensei “agora chega”!

Como eu não entendia nada de nada (comprar tinta e água oxigenada era tipo falar grego pra mim), minha primeira tentativa de virar ruiva foi no salão mesmo. Mostrei 79 mil fotos pro cabeleireiro e ele não quis pintar, disse que ruivo era muito complicado. Me colocou maior terror: que não tinha mais volta uma vez que pintado, que era dificil chegar no tom e que eu ia gastar fortunas porque tinha que retocar todo mês e ainda desbotava. E nesse dia saí de lá com minhas luzes de sempre mesmo, né? Como todo aquele terror, amarelei, óbvio. Tristemente, na minha primeira tentativa de virar ruiva, eu não virei ruiva.

loura-antes

 

Minha raiz cresceu um tanto e quando foi a hora de retocá-la, voltei ao salão com minhas 79 mil fotinhas e falei: “Vamo nessa. Nem fale nada. Eu quero. Vai”. Não era possível gente, tanta gente conseguia, por que eu não ia conseguir? Então, tentei dar uma orientada no cabeleireiro sobre a cor específica que eu queria, mas ele me disse que usava INOA e que ia fazer uma mistura própria dele, que não era tão simples quanto eu imaginava. Foi logo me tirando de cena! Tá bem, tudo bem, né? Vou confiar.

E saí de lá adorando a cor que ele tinha feito. Só que, com meu cabelo metade de luzes metade virgem, deu uma semana e a cor saiu. Ela simplesmente não pegou. E lá fui eu de novo pro salão. Aí meu cabeleireiro que eu amava e já estava comigo há 8 anos, resolveu que ia “pintar bastante para o vermelho pegar bem”. E foi assim que saí de lá igual a ARIEL e com ódio no coração.

ruivo-ariel

Resolvi ficar fria e ir atrás das minhas amigas que pintavam em casa, sozinhas. Eu via que a cor delas era linda. Eu ainda não queria desistir. A cor finalmente desbotou… E assim começou minha saga:

Bom, primeiramente, sobre a tinta da INOA: esquecendo que eu odiei a cor, achei que meu cabelo ficou bem hidratado, melhor até que antes! A tinta durou um século, mas tambem era inverno, logo, menos praia e sol queimando a cor.

tinta-casting

– Casting Cor Caramelo 834

Na tentativa (e ansiedade) de amenizar o vermelho, segui a primeira indicação que me deram. Fui na farmácia e comprei essa caixinha. De primeira foi bom porque quebrou o vermelho e começou a puxar pro laranja, que eu sempre curti mais. Usei umas 4x. Ah, um dia minha mãe me avisou que no meio, atrás, estava escuro (eu não tinha pintado direito). Foi quando eu comecei a pedir ajuda, por que a parte de trás, pra mim, é a mais difícil. E quando faço um coque ou rabo de cavalo, aparece.

Onde comprar: Na farmácia

tinta-wella

– Wella 8/4 + Água Oxigenada 20 vl

Comecei a achar que meu cabelo tava caindo muito e que eu deveria tentar uma tinta de uma qualidade um pouco melhor, não só tonalizante. Tem que comprar potinho, luvinha (se não, mancha a mão), pincel, prendedores de cabelo. Já gostei bem mais da cor! Mesmo achando que no fundo ainda estava um pouco escuro (mais pro marrom que pro laranja). Usei umas 3x. Na terceira fui num salão. Olha, é muito bom quando alguém faz tudo por você! Se estiverem com um dinheirinho a mais, eu recomendo. Você pode pagar apenas a aplicação.

Onde comprar: Tonicha e outras boas lojas de cabeleireiro.

tinta-keune

– Keune 6/4 + Água Oxigenada 30 vl

Eu já estava querendo aumentar o alaranjado do meu cabelo, né? Mas quando cheguei na loja, não tinha nem um tubinho da Wella. Perguntei se tinha da Keune e descobri que sim, mas essa só vendia para profissionais. Como essa loja tem um salão próprio, lá fui eu. Gente, achei mara. Em seguida peguei muito sol e isso ajudou a abrir a cor mais rápido, mas eu definitivamente estou mais feliz com a água ox 30 vl.

O lado ruim é: o preço do Keune é muito maior e, pelo menos o meu cabelo, ressecou muito mais. Pode ter sido pela OX ou pela tinta. Ainda não sei dizer. Mas assim: tem-que-cuidar, se não seu cabelo vai acabar virando uma palha. E as mocinhas que secam muito o cabelo então, atenção redobrada.

Onde comprar (e aplicar): Tonicha

Independentemente disso tudo, vale ressaltar que essa é a minha experiência. Por isso, importante é saber que cada pessoa tem um tom de pele e um tom de cabelo, o que gera experiências totalmente diferentes para cada um. Meu caminho foi olhar um cabelo e na cara dura perguntar qual a tinta. Existem outras mil tintas, mas essas foram as dos ruivos que mais amei e que em mim funcionaram.

E se você realmente quer virar ruiva meu primeiro conselho é: KEEP CALM E… mentira. O conselho é: tenha paciência. É capaz de você não conseguir a cor que você ama nem de primeira, nem de terceira!

Mas com calma, cuidado pra não estragar e observando como seu cabelo funciona, você chega lá! Boa sorte :)

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)
Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:
Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr

Tags:


2 + 5 =



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?id=http://www.girlswithstyle.com.br/ficar-ruiva-missao-dada-missao-cumprida/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/comments.php on line 60

0 Comentários