Primeiramente boa noite #44 – Grécia

Por Girls With Style / gws@gwsmag.com

Por Gian Lucca:

#44

Demorou 24 anos pra eu entender algumas coisas relacionadas a sentimento e amor. Eu que sempre me achei tão instruído e louco das pesquisas, tadinho, mal sabia que era pá-pum, um negócio rápido que ia dar aquele click. A gente já sabia que a vida não ia lá 100% e que o passado tava batendo na porta diariamente. Toda vez que via uma igreja aberta da qual nunca tinha entrado, eu entrava só pra ter a desculpa de fazer um pedido: “Senhor, me arranja um freela”.

O pôr do sol foi na favela, o mar no bairro onde os corpos perfeitos desfilam pela areia, os amigos resgataram uma energia que tava perdida e a cerveja acompanhou todos roteiros. Teve baladão pra comemorar e tinha até pretendente. Eu sempre prefiro curtir o que tá acontecendo do que ficar me atracando na parede da boate, mas era isso, eu queria mudanças gerais na forma de raciocínio. Precisava descolar do que eu achava certo, porque tava tudo errado.

Aquela zica precisava sair e todo passado tinha que ficar pra trás. Não faz sentido nenhum ficar remoendo a trepada de 2009, porque na verdade, verdade mesmo, ela foi um saco. Nem a de 2011, cheia de problema e desgaste, namorinho de internet. As últimas então… Analisar friamente tudo é dolorido porque você enxerga o quanto você foi trouxa. Ilusão demais. Ficar nessa punheta chata com gente mais chata ainda. Sempre fui bom em ver os valores reais do que me importa nas coisas e nas pessoas, pensei muito em tudo e eu fiquei a ver navios.

O que eu precisava era só de uma novidade. Chegou em mim, curtiu, pegou, levou pro hotel. Sabe isso? Era pra aprender a não ver casinho em tudo, não ver romance onde não tem. E cara, é bom andar em territórios desconhecidos, ouvir uma voz de outra cidade que nunca nem visitei. Não tem clichê, não tem apego em querer fazer nada certo, não tem problema falar uma putaria-cafona no pé do ouvido. Dancei conforme a música e fui embora me sentindo de outro mundo. Era realmente o começo de alguma coisa, eu tava me sentindo bem pela primeira vez em muito tempo.

Caminhei até a praia, senti aquele frio da maré e dormi igual criança. Ainda bem que navios dizem recomeço e eu descobri que a Grécia é um lugar maravilhoso.

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)

Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:

Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS

assinatura Gian_5

Tags:


5 + 9 =


0 Comentários