5 Tendências que vão pegar no verão 2014!

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

Eu sou uma pessoa bem invernal. Gosto do céu cinza, das peças escuras nas araras das lojas e adoro minha pele quando a temperatura cai. Mas mesmo assim, tenho que admitir que o verão é uma época que sempre marca mais a memória, vocês não acham? E as tendências apontadas para essa época também são sempre as mais esperadas.

Mas verdade verdadeira sendo dita, por mais que rolem umas apostas do que vai dar o que falar quando a temperatura subir, a gente só sabe MESMO o que vai pegar quando o calor chega! Parece que é ele que dita como ele quer que a coisa ande. Faz pouco tempo que o verão chegou e com ele já tá dando pra sentir (e ver) o que as garotas tem apostado por aí. Então se liguem no nosso Top 5 de tendências que a gente acredita que vão pegar no verão!

bolsa-etnica

– Bolsas étnicas 

E quanto mais cara de que foi feita por um hippie viajante, melhor.

A bolsa top desejo se chama Wayuu Bags. Famosas por serem vendidas nas praias da Europa, St Tropez, Ibiza e Mykonos, são modelos feitos à mão que são confeccionadas por mulheres indígenas Wayúu em Shukumajaya, localizada ao norte da Colômbia e noroeste da Venezuela. As Wayuu Bags ganharam status de must have depois que a grife nova iorquina Miss Mochila percebeu que daquele mato poderia sair coelho ($$). A designer e dona da marca Chloé, influenciada por seu marido que é colombiano, conheceu o trabalho da tribo e hoje desenha os modelos de bolsas para que as índias confeccionem peças exclusivas para a Miss Mochila. O preço? Em média 300 dólares.

Mas vamos combinar? A gente acha fácil, fácil modelos inspired naquela ferinha hippie da esquina, não é? Mas se você quer muito uma original e pode desembolsar cerca de R$500 até R$800, o site brasileiro Style Market e o Lavic vendem o modelo original da Miss Mochila.  Outra sugestão pra quem quer JÁ a sua, o modelo navajo da grife carioca Langak.

biquini-cortininha

– Biquíni cortininha amarrado como alça

Depois de uma longa fase onde os modelos mais hypados de biquínis foram os grandinhos, hot pants e estilo pin up (ainda meus favoritos!), a clássica combinação do modelo cortininha com calcinha mais fina vai voltar a bombar. O diferencial vai ficar por conta das estampas, aplicações (hello Ri-Ri com seu biquíni de diamantes!) e diferentes amarrações. Um antigo truque para driblar a marquinha no pescoço ganha status fashion. Uma das adeptas é Thaila Ayala.

cristal

– Cristais e pedras brutas

Esse verão vem com toques de misticismo e valorização da natureza.  Para expressar esse clima e trazer essa vibe pra cidade, nada melhor que investir nos acessórios. A tendência que invadiu os anéis, pulseiras e colares, como a nova paixãozinha fashion são os cristais, drusas e pedras brutas. E quanto mais bruta melhor, ou seja sem lapidação ou desenhos. Se as correntes e metais em volta da pedra tiverem carinha de handmade, melhor ainda!

leque

– Leques

Sim garotas, vocês leram certo: LEQUES. Daqueles que a gente chama de coisa de véia e ri da cara da tia que fica se abanando na festa de natal. A peça está ganhando status it meio que forçadamente por que né, o calor tá de matar. Impossível sair na night e não observar pelo menos uma garota, feliz da vida se abanando. Pelo menos aqui no Rio de Janeiro! Mas boto fé que a coisa pega nacionalmente. Tá duvidando da tendência? Se liga nessa matéria que o jornal O Globo fez, Para afastar o calor, leques viram moda na noite carioca.

tornozeleira

– Tornozeleiras

Sim, esse acessório que era quase obrigatório nas praias nos anos 80 está de volta! Os materiais são os mais variados: Miçangas, couro, pedras, materiais artesanais ou de joias de ouro ou prata. O legal também é usar várias e misturar vários tipos no tornozelo.

E vocês? Qual das tendências vocês apostam mais?


Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/5-tendencias-que-vao-pegar-no-verao-2014/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
1 Comentários

Tags:

A trajetória do estilo tomboy que novamente ganha força nas ruas e passarelas

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

Tomboy no dicionário significa: menina que apresenta características e comportamentos considerados tipicamente masculinos. Mas lá nos anos 20, Coco Chanel apresentaria mais um significado para esse nome. O tomboy virou estilo e desejo fashion.

tomboy-

Mas não pense você que Coco Chanel tirou tudo isso da sua mente. Claro, brilhante ela era, mas tudo que mademoiselle Chanel fez naquele momento, foi observar. O movimento feminista estava se formando e ganhando muita força (se quer saber mais sobre isso, leia o post “A volta da estética e do comportamento feminino dos anos 20). E uma das formas que o movimento se expressava, era roubando peças do guarda-roupa masculino. Chanel, era dessas e usava roupas do namorado para montar looks confortáveis e elegantes. Apesar dos créditos por inserir o estilo à moda serem de Chanel, a primeira mulher a usar calças em público foi a polêmica atriz Marlene Dietrich no ano de 1920. Aliás, Marlene era conhecida por sempre usar looks masculinos.

tomboy-épocas

Outra atriz dos anos 20 adepta do estilo tomboy era a it girl Clara Bow, que também era uma entusiasta do movimento feminista. Apesar do estilo estar presente nas décadas seguintes, nos anos 50 o estilo Rockbilly chegou trazendo as calças cigarretes e na década de 60 os primeiros smokings femininos, graças a Yves Saint Laurent. Depois dos anos 20 o grande boom do tomboy, foi mesmo nos anos 80.

boyish-tomboy

Com o tempo o estilo tomboy caracterizado por peças masculinas clássicas e sociais como gravatas, camisas, coletes, ternos e sapatos oxford foi ganhando uma nova vertente, o estilo  boyish tem foco em peças masculinas de pegada street, mais modernas e despojadas, como calça jeans, tênis, blusão de esportes, gorros… Um bom exemplo de entusiastas dessa nova pegada é a modelo Cara Delevingne e a cantora Rihanna.

Vocês curtem o estilo tomboy?

 

 


Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/a-tragetoria-do-estilo-tomboy-que-novamente-ganha-forca-nas-ruas-e-passarelas/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
1 Comentários

Tags:

De olho na tendência!

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

tendência-olho-surrealista1

Depois do moletom de tigre, parece que a Kenzo acertou novamente! A estampa que imita um olho da coleção outono-inverno 2013/14 virou a hot print do momento e invadiu roupas e acessórios.

Não dá para saber de fato de onde veio a inspiração, mas eu suspeito que a febre começou depois que os olhos místicos que acompanharam a tendência wicca e celta ganharam destaque. Daí foi um pulo… a Kenzo investiu e na mesma temporada a Dior bordou olhos surrealistas em vestidos, a brasileira Triya fez estampas nos maiôs e brincos na primavera-verão 2013/14 e a inglesa Libertine também apostou na ideia na coleção de primavera/verão 14.

tendência-olho-surrealista2

Agora os olhos estão em todos os lugares e você encontra em qualquer fast-fashion. Mas qual o significado dos olhos? Bem, depende da “vertente”, mas na vibe mística o mais famoso, o olho grego, é um talismã contra a inveja e o mau-olhado. É também conhecido como um símbolo da sorte e funciona contra energias negativas. O olho da providência, conhecido como “o olho que tudo vê” costuma ser interpretado como a representação do olho de Deus observando a humanidade.

tendência-olho-surrealista-passarela

O olho surrealista, a proposta da Kenzo, não tem um significado específico, mas o movimento surrealista é carregado dele. Então quem sabe não rola uma mensagem subliminar na coleção da marca, né não? O Manifesto Surrealista publicado pelo escritor francês André Breton em 1924 trouxe para o mundo um novo modo de encarar a arte. “Surrealismo é um estado puro, mediante o qual se propõe transmitir verbalmente, por escrito, ou por qualquer outro meio o funcionamento do pensamento; ditado do pensamento, suspenso qualquer controle exercido pela razão, alheio a qualquer preocupação estética ou moral”.

Curto muito acreditar que existe todo um simbolismo surrealista por de trás de mais uma tendência de moda.


Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/de-olho-na-tendencia/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
Comentar

Tags:

China é tendência! Referências ao país ganham destaque na moda e na cultura pop

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

Eu não gosto dessa coisa de “eu aviseeei” (mentira, gosto sim) mas eu aviseeei. Quem leu o post sobre influência da Índia e países emergentes na moda, já sabe do que eu estou falando. No final do post, eu disse: “Além da Índia vamos ver as influências dos Países árabes, China e Brasil na moda, música e cinema.” BINGO! Não adianta, a bola da vez é dos países emergentes.

Quem começa a ganhar destaque agora é a China, suas cores, formas, flores, cultura e até a louça chinesa prometem ser presença forte no verão que já, já chega aí. O país mistura como ninguém o kitsch e o chic por isso aposto que vamos ver no mínimo, peças interessantes por aí.

influências-da-china

Claro que tudo começou lá fora. Três marcas com propostas muito diferentes investiram na louça chinesa – essa estampa já ganhou nome, china print e inspired na Zara – como Valentino, Cavalli e a marca cool inglesa Erdem, que também investiu nos kimonos.

Na Brasil não está sendo diferente. O verão da paulista Neon é todo inspirado no país, assim como o da carioca Karamello que inspirada na China, levou para suas peças as cores e a tradição do jardim Yu Yuan Garden onde por muitos anos foi a sede do governo da dinastia Ming. As peças bordadas artesanalmente vindas diretamente do país são de babar. Eu estou louca por um kimono que vi na loja.

Na cultura pop quem já entregou o ouro da inspiração do novo album foi Katy Perry. Nas fotos de divulgação do primeiro single Roar, ela usa uma jaqueta totalmente china inspired. Aliás, Katy mostra interesse na China não é de hoje, né?

Mas quem é rei, nunca perde a majestade, certo? Senhor David Bowie já cantava sobre sua China Girl, lá em 1983.

Quem vai investir no made in China?

 

 


Warning: file_get_contents(http://graph.facebook.com/comments?id=http://www.girlswithstyle.com.br/china-e-tendencia-referencias-ao-pais-ganham-destaque-na-moda-e-na-cultura-pop/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/archive.php on line 63
3 Comentários

Tags: