Tirando dúvidas – Como é trabalhar na Disney?

Por Carol Guido / carol@gwsmag.com

Desde que falei sobre o processo seletivo pra ir trabalhar na Disney aqui no blog recebo um monte de perguntas por e-mail e nas redes sociais sobre o assunto. (Leia os posts que fiz: Parte I e Parte II)

Procuro sempre responder todo mundo, mas como as perguntas são recorrentes, pensei que seria mais fácil fazer esta espécie de FAQ aqui.

É super importante lembrar que o meu intermcâmbio pra lá foi em 2005 (sim, cara, o tempo passa rápido) e muita coisa pode ter mudado nestes anos. Por isso, não deixem de procurar o STB, que é a agência que organiza os programas de trabalho na Disney, ok? Além de ver vídeos no Youtube, fuçar o site oficial de trabalho da Disney e grupos no Facebook pra ter certeza de tudo.

De qualquer forma vou tentar passar as informações mais atualizadas possíveis aqui.

Agora bora pras perguntas!

trabalhando-na-disney---expectativas

♥  Este intercâmbio é caro? Quanto fica mais ou menos?

Não. Este intercâmbio tem um dos melhores preços de todos pois a agência (STB) trabalha pra Disney, ou seja, é como se eles fossem recrutadores do Tio Mickey no Brasil.

Diferente dos demais intercâmbios que você contrata uma agência pra te ajudar a arrumar emprego na gringa.

O valor que você deve calcular pra fazer este intercâmbio da Disney, chamado International College Program ou só ICP, é:

Passagem (varia muito, mas vamos calcular usando um valor possível): US$900 + tx de embarque

Valor do visto de trabalho: US$200

Seguro saúde: US$300 (este é o único que tô chutando porque realmente não lembro)

Dinheiro para aluguel durante 3 semanas: de US$70 a US$120 por semana

Dinheiro para supermercado durante 3 semanas: US$60 por semana

Extras por segurança: US$300

Não incluí despesas com compras e passeios, mas se você puder, leve! A primeira semana também é muito animada pois você ainda está em treinamento e tem muito tempo livre, então é bom ter um dinheiro para se divertir com a galera.

♥ É muito concorrido? Quais as chances de ser selecionado?

É concorrido sim, mas não é impossível. Não dá pra saber quais as chances de ser selecionado.

♥ Como funciona a seleção?

Dá uma olhada nos posts que fiz contando como foi a minha seleção: Parte I e Parte II A única diferença da minha pra hoje é que a Disney faz entrevistas em algumas capitais, não só em SP.

♥ A viagem rola nas férias? Qual o período?

Sim. Existem diferentes datas de partida, a maioria no início de novembro. Todo mundo que vai, tem seu contrato de trabalho para 3 ou 4 meses.

♥ Como funciona quando você recebe a notícia de que passou? O visto, passagem, a chegada em Orlando, é tudo independente ou alguém te ajuda?

O STB resolve tudo pra você no Brasil e quando você chega lá é a Disney que te “adota”. Você não fica solto sem assistência em nenhum momento. Depois que for confirmado que você passou o STB providencia sua passagem, visto, seguro saúde e esclarece todas as dúvidas.

Você provavelmente vai viajar com um grupo de pessoas que também fazem parte do ICP. Todo mundo se conhece no aeroporto e no vôo.

Quando chegar lá em Orlando vai ter uma pessoa da Disney esperando você pra te levar pro seu condomínio, te falar onde vai trabalhar e dar vários papéis pra assinar. Neste dia você também já vai ter as instruções de como e onde começa seu trabalho.

Depois você tá liberado pra ir descansar, conhecer seus roommantes, ir no Wlamart, etc.

O início dos trabalhos é igual pra todos: todo mundo passa por um treinamento chamado Traditions e depois você completa o treinamento com a parte prática, que é tipo uma espécie de estágio, já na posição que você realmente vai ocupar.

trabalhando-na-disney---treinamento-e-trabalho

♥ Quais os trabalhos disponíveis? A gente que escolhe com que e onde vai trabalhar?

Os trabalhos mais comuns são: merchandise (lojas e outros pontos de venda de mercadoria), operations (trabalho em atrações), food & bevarege (lanchonetes, restaurantes e carrinhos de comida), recreantions (atividades recreativas em hotéis), character (personagem), charecter attendat (acompanha o personagem) e custodial (limpeza).

Você pode cair em qualquer lugar do Walt Disney Resorts. Isto inclui hotéis, áreas recreativas e outros cantos que eles tem e a gente nem sabe direito. Qual local você vai trabalhar, só vai rolar de saber na hora, mas o que você vai fazer, fica sabendo ainda no Brasil. E não, você não escolhe, eles escolhem pra você. Eu fui merchan, ou seja, trabalhava em lojas, então já sabia que seria algo que eu não ia passar perrengues de faxina (apesar de topar fazer também, não sei se ia gostar todo dia), por exemplo.

♥ Como você vai e volta pro trabalho?

Existe um ônibus gratuito para funcionários que te pega no seu condomínio e te leva até seu local de trabalho. Tem muitos horários e atende a todo mundo.

Estes mesmos ônibus também fazem o trageto até o Wlamart, supermercado mais próximo.

♥ Qual o salário? Este valor dá pra cobrir pequenas despesas como, transporte, supermercado, talvez até uns passeios no outlet…?

US$ 7,93 por hora. Não é permitido aceitar gorjetas.

Você se sustenta com ele sim. O salário dá pra pagar aluguel, despesas de casa, comida, nights e compras bem simples. Tudo sendo econômico e aproveitando ao máximo o que a Disney tem pra oferecer. Se quiser se esbaldar e desbravar mais de Orlando vai precisar fazer muita hora extra ou levar dinheiro do Brasil.

♥ O funcionários tem realmente um dia de folga?

Sim, um dia de folga por semana no mínimo. Às vezes rolam dois, mas é mais difícil. Temos que sempre lembrar que lá o trabalho é pesado, muito intenso mesmo. Você está sendo recrutado pois esta é uma época de muito movimento por lá, então não espere moleza.

Mas é muito bom. <3

trabalhando-na-disney---morando

♥ Os alojamentos / apartamentos de funcionários são de graça?

Não, você tem que pagar aluguel. Os valores são entre US$70 e US$120 dependendo de qual condomínio vai morar e com quantas pessoas vai dividir o apartamento.

♥ Como são os alojamentos?

São três condomínios exclusivos para funcionários da Disney neste programa: Three House, Chattam Square (onde eu morei) e o Vista Way.

O primeiro dizem que é realmente um clima meio selva. Quem morou lá amou, mas é bem peculiar. Cheio de árvores, área verde e um pouco mais afastado que os outros (tipo 10 min a mais de ônibus). Mas vale lembrar que são condomínios residenciais normais, então não é nada que vá te fazer sofrer. Os alugueis lá são mais baratos.

O Chattam, que é onde eu morei, tem fama de ser o mais arrumadinho e chique. Ele realmente é mais silencioso que os outros, os moradores por alguma razão são mais comportados por lá. Fica mais perto de um Outlet super bom lá de Orlando. Me identifiquei por que gosto de calma. E os alugueis são mais caros. Mas não se assuste, que essas variações de aluguel não são nada bizarras.

O Vista é o mais badalado, onde rolam as festas mais épicas e a galera faz mais bagunça. Muita gente ama morar lá por que é um clima mais galerão. Ao mesmo tempo é um pouco mais esculhambado. E o valor do aluguel é mediano.

♥ Como você fazia com alimentação? Cozinhava?

Eu não cozinhava nada na época, então comia muito congelado em casa. No trabalho você tem as chamadas Cafeterias, com várias opções de refeição só pra funcionários. Desde saladas, até pizzas e sanduíches. Não tem tipo carne, arroz e feijão, claro.

♥ Tem algo que você não gostou? Algum ponto negativo?

Acho que o que menos gostei é estar sempre submetido às regras da Disney em todo lugar. Você tem que respeitar as diretrizes de conduta do condomínio onde mora, as regras de comportamento e forma de se vestir da Disney, etc. Mas isso é totalmente compreensível e tem um lado muito bom de aprendizado e segurança. Você está sempre sob os “cuidados” deles e pra um primeiro intercâmbio, quando a gente tá inseguro e com medo de ficar longe de casa, isso é perfeito.

O lado bom são os amigos que você faz, a experiência de modelo de trabalho da Disney e as festas que o Tio Mickey faz pra integrar a galera. Não tem essa de álcool e bebedeira, mas tem comida de graça, refri, DJs, e a galera toda junta. É nestas horas que você faz mais amigos e conhece mais pessoas.

♥ Você sentiu que esse intercâmbio vai realmente contar no currículo ou foi mais uma experiência pessoal?

Esta resposta eu já dei pra uma leitora por email há uns 2 anos, mas hoje em dia tenho uma visão diferente e aposto muito mais ainda no programa pro meu CV.

Na época de estágios, ter feito ICP era um diferencial na hora das entrevistas. Depois, quando fui trabalhar mesmo com marketing e branding, todas as experiências que tive na Disney me agregaram MUITO. Eu ajudei a criar projetos, campanhas, endomarketing, e muitas outras coisas pensando em estratégias que eu aprendi lá no ICP.

Mas como experiência pessoal, posso dizer que dei um salto de pelo menos um ano de evolução como ser humano. hahaha Sério, foi genial. E sem esse intercâmbio eu nunca teria tido coragem de fazer um outro, pela Europa, que fiz por 5 meses em 2007.

 

Tudo que escrevi neste post é baseado na minha experiência pessoal. Tentem pensar como seria pra vocês, considerando seus gostos, personalidade e se você tem facilidade de adaptação a novidades.

Espero conseguir ajudar vocês! Qualquer dúvida adicional, podem me mandar e- mail (carol@girlswithstyle.com.br) ou deixar nos comentários.

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)

Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:

Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS

assinatura-Carol_11

Tags:


1 + 9 =



Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?id=http://www.girlswithstyle.com.br/tirando-duvidas-como-e-trabalhar-na-disney/&summary=1): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 403 Forbidden in /home/gwsmag/www/wp-content/themes/gws/comments.php on line 60

0 Comentários