Por que as Kardashians são sinônimo de empoderamento e poder feminino e de quebra: A coleção da Kim para C&A

Por Nuta Vasconcellos / nuta@gwsmag.com

Acho que não é novidade pra ninguém que me segue em alguma das minhas redes sociais pessoais que eu adoro a família Kardashian/Jenner e que Kim Kardashian é uma musa e inspiração. Mas já ouvi algumas vezes, “Se você curte tanto elas, por que nunca fez um post?” A verdade, verdadeira é que eu estava sendo preconceituosa. Quase sempre fui levada a acreditar pelo meu ciclo social que gostar das Kardashians era quase um desvio de caráter. Tudo bem, posso tá exagerando, mas sempre ouvi por aí que não entendiam por que eu gostava delas e aí, eu sempre achava que a maioria das leitoras daqui não iriam curtir nenhum post sobre a família.

gws-kardashians-empoderamento

Mas aí eu comecei a pensar o quanto as Kardashians tem, e muito, a ver com muita coisa que a gente fala por aqui: Como empoderamento, machismo, sexismo, preconceito, gordofobia, slut shaming e claro, porque não, moda. Curtindo ou não a família é inegável o poder que elas tem. Digo elas porque mesmo sendo uma família com homens, o poder é feminino, a liderança é feminina. Será que já não começa aí a implicância com elas? Como pode, a família mais rica e poderosa do mundo no momento ser matriarcal? Basicamente composta por três gerações de mulheres lindas, bem sucedidas, seguras de seus corpos e opiniões? Pode ter certeza, isso incomoda muita gente. “Mas o que elas fazem? Não entendo porque são famosas”. Pra começar, se em pleno 2015 você ainda não entendeu que nada, nada gera mais interesse no ser humano do que a vida do outro, se atualiza. Reality shows são praticamente o que mantém a TV funcionando. Existem realitys de tudo gente. Do cara que faz bolo, de gente presa dentro de uma casa por 3 meses, de viagem, até caras que reformam banheiro. Se tinha uma coisa que Andy Warhol estava certo, era sobre o 15 minutos de fama que todos nós teríamos no futuro. Vivemos a era dos realitys, dos vloggers, das redes sociais. O que você faz no instagram quando compartilha sua comida, seu tédio no twitter ou sua roupa nova no facebook, nada mais é que um Keeping Up With The Kardashians com baixa audiência. Por que elas são condenadas por fazer algo que hoje em dia, todo mundo faz? Aliás, a gente faz de graça, e ainda perde um tempão pra achar o melhor ângulo da selfie.

De estrela de reality show elas viraram empresárias, donas de marcas, musas das grifes mais poderosas do mundo, super modelos, capas de revistas conceituadas. “E tudo começou só porque uma delas fez uma sex tape”. Pra mim esse comentário que está carregado de slut shamming só prova o quanto Kim é poderosa. Porque ir de estrela de filme pornô caseiro, estrela de reality, para capa da VOGUE não é para qualquer uma, MESMO.  É inegável como ela, assim como Kris Jenner, sua mãe e empresária de toda família souberam dar cada passo, muito bem calculado e Kim, assim como suas outras irmãs, estão cada vez mais poderosas.

Mas mulher poderosa e bem resolvida sexualmente incomoda. É só passear por qualquer rede social de qualquer uma delas para ler comentários como “puta”, “piranha”, “toma vergonha na cara, você é mãe”. A sexualidade livre e a segurança que Kim tem com seu corpo é perturbadora pra muita gente. Como se ser mãe e sair nua na revista fosse a prova de que você não sabe criar uma filha. Pariu, tem que virar Virgem Maria. “Se dá valor”, como se ele já não fosse nosso por direto.

Quer dizer que depois que você é mãe perde sua sexualidade, perde o direito de ser você mesma, de ser um indivíduo? Kim nunca exibiu tanto seu corpo como depois de ser mãe. E quanto mais os puritanos apontam o dedo pra ela, mais nua e linda e dona do seu corpo ela fica. Se isso não é empoderamento, eu não sei o que é. Aliás eu acho que a Kim teve um papel muito importante para várias garotas e ela mesma, nem sabe disso. Ela nem imagina o quanto ver o seu corpo cheio de curvas, saber o quanto ela tá sempre na luta com a balança, ter acompanhado que ela não foi nenhuma grávidinha perfeita de Hollywood e ficou sim, enorme e com pés inchados faz dela, real. Faz a autoestima de todas nós aumentar. Kim é linda, mas está longe de ser o padrão da mídia. A gente consegue se identificar, se inspirar e o mais importante: Ela faz a gente se arriscar e ousar toda vez que ela usa tudo que todo livro de regra de moda diz que uma baixinha, de quadril largo e peitos gigantes não pode usar.

gws-kardashian-para-cea

Kim virou referência de moda e tava demorando para uma marca chamar ela para assinar uma coleção. E foi isso que a C&A fez! E eu já tô aqui, morrendo de ansiedade porque ela influencia muito meu estilo. Mas a gente ainda não sabe muita coisa. Só que ela estará em solo brasileiro dia 11 de maio e que a coleção será um reflexo do seu guarda-roupa e lifestyle. Como os looks da Kim são bem específicos já dá para ter uma vaga ideia do que vai rolar (eu acho) e fiz minha listinha de 6 apostas:

gws-kim-kardashian-cea-cores-neutras

1) Cores neutras e sem estampas

Um dos motivos que amo Kim: Ela não usa estampa e nem nada super mega colorido. Amo isso, me identifico e tô apostando que a coleção vai ser assim com muito nude, preto, branco e cinza <3 com recortes interessantes e transparências. E claro, muitas peças básicas como t-shirts.

gws-kim-kardashian-cea-saia-midi-top

2) Conjunto Saia lápis midi + Top

Uma combinação clássica de Kim! Tenho certeza que vai rolar pelo menos um “conjuntinho” desse de saia midi cintura alta e top.

gws-kim-kardashian-cea-couro

3) Couro

Acho que vai rolar uma saia (também lápis midi), um vestido bem sexy e uma jaqueta, no mínimo.

gws-kim-kardashian-cea-alfaiataria

4) Alfaiataria 

Tô rezando para ter vestido tipo Blazer da Balmain que ela tem usado! Mas acho que vamos ter várias peças de alfaiataria e um blazer estruturado com ombro marcado e botões grandes.

gws-kim-kardashian-cea-jeans

5) Jeans

Ela nem é de usar muito jeans, mas como é uma das coisas que mais vendem acho que ela vai criar umas pecinhas. Certeza que vai rolar saia lápis midi jeans clara detonada, blusão jeans e uma calça Extreme Ripped Jeans.

gws-kim-kardashian-cea-acessórios

6) Acessórios

Kim não é muito de usar colares, brincos, anéis… então estou bem curiosa para saber como serão os acessórios. Mas tenho uma certeza: Sapatos! Acho que vai rolar alguma bota over the knee, alguma sandália de tira única na frente e tira no tornozelo e claro, o scarpin que é um clássico dela, então é certeza que vai rolar.

E vocês? O que acham que vai rolar com certeza?

E só para terminar esse post, sempre bom lembrar: Independentemente de quanto você despreza Kim, Khloe, Kris, Kourtney, Kendall, Kylie, e quem mais comece com K, não muda o fato  que elas são sim, puro #GirlPower.

Curtiu o post? Que tal dar uma forcinha e ajudar a gente a divulgar o GWS? Dá um like, compartilha, um tuite também vale! :)

Ah, e pra saber mais do nosso universo encantado, é só seguir a gente nas redes sociais:

Instagram // Twitter // Facebook // Tumblr // Newsletter do GWS

assinatura_NUTA

Tags:


8 + 4 =


0 Comentários